Você sabe como elaborar um bom currículo? E qual o seu comportamento em uma entrevista de emprego? A matéria a seguir pode mudar seu destino

Atuando na área de gestão, contratação e desenvolvimento desde 1995, a psicóloga Aletéia Renata Vitali é especialista em oficinas de elaboração de currículo e como se comportar em uma entrevista de emprego.

Formada pela Universidade do Sagrado Coração (USC) em psicologia, Aletéia deu entrada no curso no ano de 1998, depois de já atuar na área de gestão. Após a formação, a psicóloga afirma que devido a sua experiência, já sabia relacionar teoria e prática na área de trabalho.

Em seguida, Aletéia se especializou na área de gestão de pessoas e deu continuidade ao seu trabalho. Ela apenas pausou sua carreira no Brasil, quando passou um tempo na Europa em busca de mais formações, experiências e referências. Atualmente, a psicóloga é professora em uma universidade, atua em clínica própria e também é responsável pela gestão de pessoas em uma grande empresa do segmento de lingerie.

O Bauru Online questionou Aletéia sobre como funciona sua forma de trabalho, tanto em relação à elaboração das oficinas de montagem de currículo, quantos as dicas para o comportamento em uma entrevista.

A especialista explica que o primeiro passo é a preparação de pessoas de qualquer idade para o mercado de trabalho. Por intermédio da área de interesse, Aletéia demonstra como deve se montar um currículo, em relação ao que deve ter ou não ter no mesmo. Para isso, ela utiliza as experiências e capacitação das pessoas para que se encaixem no currículo da melhor forma.

Algumas dicas que a psicóloga traz para a montagem do currículo são:

  • Não devemos colocar capa no currículo
  • Foto, somente se a empresa pedir – e se pedir, enviar uma neutra
  • Colocar dados pessoais, como endereço, e-mail e telefone
  • É importante colocar um telefone que realmente esteja disponível para atendimento
  • Colocar o endereço mais próximo à empresa
  • Trajetória profissional precisa ter a ver com o emprego objetivado
  • Data no final do currículo
  • Colocar idiomas somente se tiver no mínimo o nível intermediário
  • Revisão ortográfica no currículo
  • Referências das empresas já trabalhadas

Também é preparado a forma que se deve procurar o emprego, ou seja, qual a melhor maneira de buscar a empresa em que se quer trabalhar. Com isso, a psicóloga explica que é necessário uma breve pesquisa sobre o local, para que se possa verificar como funciona a empresa, sua visão, missão e valores.

Na sequência, ocorre a preparação para entrevista, que consiste em explicações de como se apresentar, os momentos certos para falar e também a abordagem sobre o valor salarial. Além disso, a psicóloga aborda as roupas adequadas, a postura do entrevistado.

A especialista comenta que muitas pessoas têm dificuldades para falar de si mesmo nas entrevistas. “O desafio do ser humano é se conhecer, ter suas próprias respostas, saber o que quer e saber o que busca”.

Por fim, ela explica a importância do autoconhecimento em uma entrevista de emprego. “Eu costumo dizer, quem sabe o porque, encontra qualquer como”.

Sobre Aletéia Renata Vitali

Graduada em Psicologia, realizou especializações lato sensu em Psicologia Clínica e em Administração de Empresas – Gestão de Pessoas e Gestão do Conhecimento. Atualmente, Psicóloga Clínica e Organizacional. Coordenadora de RH. Professora Universitária em cursos de graduação e pós-graduação e consultora de empresas.